Pular para o conteúdo

Seguro-Viagem: 16 Razões para não viajar sem

Anúncios

A importância de contratar um seguro-viagem, é viajar protegido em qualquer emergência e imprevistos. Evita muita dor de cabeça com despesas inesperadas e garante assistência médica e odontológica em caso de emergência fora do nosso domicílio, e muitas outras coberturas.

Já pensou o quanto deve ser desagradável estar longe de casa, em  viagem de férias ou trabalho, numa cidade ou num país estranho, de repente acontece uma emergência e você está sem reserva financeira ou um seguro que lhe garanta assistência?  

 É aí que está a importância de um seguro-viagem. Não é gasto desnecessário, é investimento na sua segurança e de seus familiares.

Caso aconteça algum sinistro, você ou seus beneficiários recebem  o valor contratado com rapidez, até o limite contratado, sem esperar anos  por uma decisão judicial.

Seguro viagem é investimento

Você pode pensar: se não acontecer nada, terei gasto dinheiro atoa ou mesmo pensar que nada de mal vai acontecer.

Anúncios

Uma mala perdida ou roubada, passaporte perdido ou roubado, um voo cancelado, um acidente e tantos outros imprevistos podem tornar sua viagem em pesadelo.

Se deseja informação sobre um item específico, navegue pelo menu abaixo.

O que é um  seguro-viagem?

É uma apólice que você contrata temporariamente, para a cobertura de imprevistos durante uma viagem de lazer ou trabalho, para estadia temporária para estudo ou trabalho (intercâmbio).

Pra todos verem: Navio de Cruzeiro com Seguro-viagem.
Navio de Cruzeiro

A cobertura passa a valer a partir do embarque, durante a permanência até o retorno. Garante indenização, caso haja uma emergência, de acordo com o valor segurado e a cobertura contratada. 

Há no mercado, apólices de seguros para todos os perfis e destinos, nacionais e internacionais. Idosos e grávidas caso exijam tratamentos especiais devem ser incluídos na contratação da apólice.

Ás vezes necessitam de um atestado médico para viajar. Acesse aqui e faça a cotação do seu seguro com maior cobertura pelo menor preço .

Quais as coberturas de um seguro-viagem?

Existem várias coberturas básicas e as seguradoras obrigatoriamente têm que oferecer pelo menos uma delas.

  1. Cobertura de despesas médicas e/ou odontológicas e hospitalares.(DMHO) Indenizações médicas, hospitalares e/ou odontológicas, acidente pessoal, doenças súbitas, agudas, que tenham ocorrido durante a viagem, desde a confirmação da saída do cliente da cidade de origem, dentro do território nacional, quando para viagens nacionais, em direção ao destino explicitado na apólice.
  2. Traslado de corpo. Reembolso de despesas com a liberação e transporte do corpo, do local de falecimento ao local de sepultamento, incluindo tudo que for necessário para o acondicionamento do corpo e trâmites legais. Esta cobertura não pode ser contratada separadamente, somente com outras coberturas.
  3. Regresso sanitário. Cobertura de despesas caso ocorram doenças súbitas e agudas ou acidentes pessoais e o cliente tem que regressar antes do prazo previsto. Não é permitido oferecer seguro para acidentes pessoais à parte.
  4. Transporte especial. Cobertura de transporte especializado quando o passageiro não tem condições de ser transportado pelos meios tradicionais e necessitam por exemplo; de UTIs aéreas, meio de transporte médico de suporte avançado ou transporte especial. Remoção ou transferência do segurado ao hospital, ou clínica que ofereça condições de atendimento, por motivo de acidentes pessoais ou doenças súbitas, cobertas pelo seguro-viagem.
  5. Morte ocorrida durante o período de  viagem. Pagamento do capital segurado aos beneficiários determinados pelo cliente, seja por morte natural ou acidente pessoal. Pagamento este que poderá ser pago a vista ou em parcelas, como forma de renda.

Coberturas obrigatórias para viagens ao exterior

6. Cobertura de despesas médicas e/ou odontológicas e hospitalares. (DMHO) Indenizações médicas, hospitalares e/ou odontológicas, acidente pessoal, doenças súbitas, agudas que tenham ocorrido durante a viagem ao exterior. Começa a valer quando confirmada a saída do cliente do país de origem ao país de destino citado na apólice.

7. Traslado médico. Remoção ou transferência do segurado ao hospital, ou clínica que ofereça condições de atendimento, por motivo de acidentes ou doenças súbitas cobertas pelo seguro-viagem.

8. Traslado de corpo. Reembolso de despesas com a liberação e transporte do corpo, do local de falecimento ao local de sepultamento, incluindo tudo que for necessário para o acondicionamento do corpo e trâmites legais. Esta cobertura não pode ser contratada separadamente, somente com outras coberturas.

9. Transporte especial. Cobertura de transporte especializado quando o passageiro não tem condições de ser transportado pelos meios tradicionais e necessitam por exemplo; de UTIs aéreas, meio de transporte médico de suporte avançado ou transporte especial.

10.Regresso sanitário. Cobertura de despesas caso ocorram doenças súbitas e agudas ou acidentes pessoais e o cliente tem que regressar antes do prazo previsto. Não é permitido oferecer seguro para acidentes pessoais à parte.

 A SUSEP(Superintendência de Seguros Privados) para maior segurança e garantia dos direitos do contratante de seguro-viagem, publicou a seguinte resolução: confira aqui

Coberturas adicionais

Você pode escolher entre as muitas opções que a seguradora oferece. Veja algumas delas

  • 11. Cobertura por danos, roubo ou extravio de bagagens.
  • 12. Despesas ocorridas por atraso ou cancelamento de voos
  • 13. Pagamento de fiança em caso de prisão indevida por país ou governo estrangeiro,
  • 14. Perda ou roubo de documentos, inclusive reedição de passaporte.
  • 15. Seguro de objetos pessoais.
  • 16. Assistência jurídica em caso de acidente ou dano causado a terceiros.

Qual seguro-viagem é o mais adequado?

É aquele que cobre todas as suas necessidades. Verifique com a operadora quais as regras do país para o qual  você deseja viajar e qual o plano mais adequado para seu destino.

O viajante cujo destino é o Canadá ou os Estados Unidos, não deve optar por uma cobertura baixa. Nesses países o custo de saúde é altíssimo. Um atendimento médico, passa fácil de US$50.000;00. 

Países que exigem seguro-viagem para turistas

Muitos países exigem que o visitante tenha um seguro-viagem para entrar nos seus territórios. Caso viaje para o exterior, confira junto á seguradora as exigências desses países, para não ter problemas ao desembarcar.

Independentemente do país exigir, ou não, o seguro -viagem é altamente recomendável para qualquer destino. Veja abaixo a relação dos países que exigem seguro-viagem:

Alemanha, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça, Reino Unido, Cuba, Venezuela, Austrália, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Liechtenstein, Letônia.

Importante ressaltar que o seguro-viagem não substitui o seu plano de saúde. Não cobre consulta e exames de rotina e nem procedimentos eletivos.

Como contratar um seguro-viagem?

A contratação é simples, na maioria das vezes pode ser feita online. Como existem muitas empresas nesse mercado, convém fazer uma boa pesquisa, avaliar custo-benefício e se atende às suas necessidade e de seus familiares.

Você pode fazer sua consulta com SegurosPromos aqui.  Antes de contratar um seguro-viagem , verifique junto à SUSEP se a seguradora está devidamente credenciada.

Sinistros não cobertos por um seguro-viagem

Esportes radicais, consulte sua seguradora.

  • Tirolesa
  • Montanhismo
  • Escaladas
  • Montarias
  • Balonismo
  • Esportes aquáticos
  • Trilhas de bicicleta ou motocicleta
  • Automobilismo
  • Bungee jumping
  • Acidentes e sinistros não comunicados dentro do prazo. 
  • Fenômenos da natureza, como furacões,  erupções vulcânicas enchentes. 
  • Viagem a países em guerra, (civil, bacteriológica, química,) ou revolução.
  • Participação em ato criminoso.
  • Viagem a locais declarados publicamente com ocorrência de  epidemias e pandemias. 
  • Intoxicação provocada por, álcool,  drogas.
  • Tentativa ou suicídio consumado.
  • Internação por doenças psiquiátricas.
  • Acidentes com veículo em que o segurado não é habilitado

Cada seguradora tem seus próprios regulamentos. Por isso é muito importante ler todas as minúcias do contrato de seguro-viagem antes de assinar.

Contrate as coberturas que julgar necessário. Escolha dentre as melhores, a que oferece a maior cobertura e preços justos.

Precisa de passaporte? Veja aqui como tirar o seu.

ENCONTRE SUA HOSPEDAGEM

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *