Pular para o conteúdo

Cidades Turísticas do RS: 14 lugares espetaculares para conhecer e voltar sempre

Procurando um lugar para visitar nas férias? Neste post, você vai conhecer 13 cidades turísticas do RS e seus atrativos mais interessantes. O estado do Rio Grande do Sul fica no extremo sul do Brasil, faz divisa com o estado de Santa Catarina e fronteira com a Argentina e o Uruguai, sua capital é Porto Alegre.

Anúncios

O Rio Grande do Sul guarda peculiaridades encantadoras e lugares surpreendentes. Entre os atrativos estão cânions, ruínas, praias, centros históricos, rios e até mesmo neve! No nordeste do estado fica a famosa Serra Gaúcha, onde está a região vinícola e cidades turísticas famosas como Gramado e Canela.

Foi colonizado por imigrantes europeus que marcaram profundamente a identidade cultural do estado. Não é incomum encontrar comunidades que se comunicam no idioma de seus antecedentes.

Tem paisagens fascinastes, arquitetura de estilo europeu e uma culinária respeitável. Quem nunca ouviu falar do famoso churrasco gaúcho? O frio no Rio Grande do Sul é rigoroso, com temperaturas que chegam abaixo de zero no outono e no inverno.

Anúncios

Costuma ocorrer geadas e ocasionalmente a ocorrência de neve, principalmente na região serrana, que atrai muitos turistas, mas o RS pode ser visitado o ano inteiro, com exceção do período chuvoso.

Leia também:

Quando visitar o Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul oferece atrações em todas as estações, mas é muito procurada no inverno quanto ocorrem geadas e até neve. Portanto se você deseja curtir o inverno tomando um bom vinho aos pés de uma lareira e ver paisagens fantásticas, vá nos meses de maio a julho. Se você gosta de banhos de cachoeira, a melhor época é nos meses mais quentes entre outubro e principio de maio e o mês mais chuvoso é fevereiro.

Principais cidades turísticas e atrações do RS

Eu selecionei algumas das cidades mais visitadas do Rio Grande do Sul, mas com certeza existem muito mais, se você conhece algumas cidades turísticas do RS que faltam nesta lista, deixe nos comentários que terei o maior prazer em acrescentar.

Anúncios

Pra-todos-verem:Porto-Alegre-Uma-das-Cidades-Turísticas-do-Rio-Grande-do-Sul
Porto Alegre – RS

Se você deseja contratar uma empresa para fazer passeios no RS, a Brocker Turismo e a União Santa Fé Turismo, são as melhores que conheço. Confira abaixo 12 sugestões de cidades gaúchas que vale a pena incluir em seu roteiro.

  1. Parque Estadual do Turvo – Município de Derrubadas
  2. São Miguel das Missões
  3. Cambará do Sul
  4. Torres
  5. Porto Alegre
  6. Gramado
  7. Canela
  8. Bento Gonçalves
  9. Três Coroas
  10. Nova Petrópolis
  11. Piratini
  12. Pelotas
  13. Rio Grande
  14. São José dos Ausentes

Parque Estadual do Turvo – Município de Derrubadas

O nome do município de Derrubadas nem de longe lembra uma das cidades turísticas do Rio Grande do Sul mas se disser ‘Parque Estadual do Turvo’, todos se lembram desse espetáculo da Natureza. O parque fica no extremo Noroeste do Rio Grande do Sul. O Rio Uruguai faz fronteira com a província argentina de Misiones e o estado de Santa Catarina.

Os principais objetivos de parques da categoria do Turvo são a preservação de ecossistemas naturais de extrema importância ecológica e belezas naturais pesquisas cientificas e conscientização da necessidade de preservar a natureza e de turismo ecológico.

O parque é o último refúgio da onça pintada no Rio Grande que abriga também diversas espécies de outros animais ameaçados de extinção como ameaçados de extinção, como veados, antas, pumas, catetos, tatus, macacos e dezenas de aves.

Na entrada do parque, no Centro de Visitantes, tem uma maravilhosa exposição de vários animais conservados com técnicas de taxidermia, feito pela universidades da região. São animais que foram resgatados mortos. O trabalho é tão perfeito, que se não fosse pela imobilidade, poderiam ser confundidos com animais vivos.

O Salto do Yucumã é a maior atração do parque considerado a mais extensa queda d‘água do mundo no sentido horizontal, com quase 2 km de extensão. A altura das quedas varia de acordo com o nível do rio Uruguai, podendo alcançar a altura de até cerca de 20 metros e a profundidade de aproximadamente 110 metros.

Na época das chuvas, se o Rio Uruguai ficar muito cheio, as quedas d’água não poderão ser avistadas e os lajedos não ficarão expostos para que o visitante possa caminhar sobre eles. A área é muito bem cuidada, um dos parques mais lindos que já visitei. Para chegar ao Salto do Yucumã ou Salto Grande é preciso percorrer uma estrada com cerca de 15 km a 30 km/hora.

Mas você também pode chegar lá por uma trilha a pé. A Trilha do Yucumã tem cerca de 800 metros de extensão até o Rio Uruguai e a uma larga área rochosa com cerca de 500 metros, entre a margem da floresta e a margem do rio, ao longo do Salto do Yucumã.

A travessia pela mata preservada é espetacular! O parque funciona de quinta a segunda feira, a visita é agendada mediante aquisição do ingresso online neste site https://ingressosyucuma.com.br/ .

Em 03/2023 custa R$21,65 por pessoa, meia para estudantes, idosos e crianças de 02 a 12 anos de idade. O parque funciona de quinta a segunda-feira, das 8h às 16 horas e a saída do Centro de visitantes até às 18 horas. O número máximo de visitantes é de 464 pessoas.

Pra-todos-verem:Parque-Estadual-do-Turvo-RS
Parque Estadual do Turvo – RS

São Miguel das Missões – RS

Nossa primeira cidade é a que está situada mais ao oeste mais perto da fronteira com a Argentina. Fica cerca 473 km de distância de Porto Alegre. Embora seja pequena, é uma das principais cidades turísticas do RS, pois guarda importantes ruínas, parte da nossa história, declaradas Patrimônio Mundial da Unesco.

Para conhecer as ruinas é importante contratar um guia que narrar a história e dar significado à paisagem que você observará por lá. Aproveite e visite também o Museu das Missões, que exibe estátuas de imagens sacras dos índios Guarani.

As Ruínas de São Miguel das Missões (ou Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo) é a mais preservada área de missão jesuítica do Brasil, datada do século 17. O terreno com as ruínas fica próximo do centro da cidade e de opções de restaurantes. Algumas agências oferecem passeios que vão até as ruínas nos territórios argentino e paraguaio. Assim, o Roteiro das Missões fica completo.

Pra-todos-verem:Sitio-arqueologico-de-Sao-Miguel-das-Missoes-RS
Sítio arqueológico de São Miguel das Missões – RS

Cambará do Sul – RS

Procurando por cidades turísticas do RS com belezas naturais? Então, visite a “cidade dos cânions”. Localizada na divisa com Santa Catarina e a 192 km de Porto Alegre, na região conhecida como Campos de Cima da Serra.

São cerca de 250 quilômetros de paredões e paisagens fascinantes. Para chegar a Cambará do Sul de carro, saindo de Porto Alegre, siga pela BR-290, conhecida como Freeway. em seguida entrar na RS-020 em direção a São José dos Ausentes.

OFERTAS ESPECIAIS EM PACOTES

Cambará do Sul é pequena: tem cerca seis mil habitantes, mas um potencial turístico gigante. Isso porque lá estão formações rochosas que propiciam vistas de tirar o fôlego: os cânions. Os trilheiros vão adorar o lugar.

As vistas são deslumbrantes! Destaque para os cânions do Itaimbezinho, é o mais disputado. Fortaleza e Malacara e ainda a Cachoeira dos Venâncios, um espetáculo imperdível da natureza. Para chegar lá, você pode escolher entre duas trilhas. A trilha do Cotovelo é a mais longa, mas a vista vale a pena!

E o caminho é relativamente leve e sem muitos obstáculos. Já o cânion Malacara tem um diferencial: a piscina natural “conquistada” no final da trilha, depois de muitas pedras e caminhadas dentro da água. Algumas agências oferecem este passeio a cavalo. Para amantes de naturezas selvagens Cambará do Sul é uma das mais importantes cidades turísticas do Rio Grande do Sul.

Pra-todos-verem:Cambara-do-Sul-RS
Cambará do Sul- RS

Torres – RS

Fica a cerca de 193 km da capital gaúcha, quase na divisa com Santa Catarina, no extremo norte do litoral do estado. A grande atração da cidade de Torres na verdade é o mar. O diferencial de Torres são os paredões rochosos à beira-mar, as falésias, as praias e a Ilha dos Lobos, a única ilha marítima do RS.

A praia de Torres é a preferida dos gaúchos e muitos turistas argentinos e uruguaios que estão seguindo para o litoral de Santa Catarina. As principais praias são a praia de Torres, Praia da Cal e Praia Guarita. Nos costões rochosos o mar é muito agitado, requer cuidado.

O parque da Guarita tem uma belíssima vista do mar, especialmente para quem estiver disposto a subir até o alto do morro. O nascer do sol lá é incrível! Passeio incrível para trilheiros.

Faça uma visita a reserva ecológica da Ilha dos Lobos. Programe para o período da páscoa, para assistir Festival internacional de Balonismo, o maior espetáculo no céu numa das cidades turísticas do Rio Grande do Sul mais interessantes

Pra-todos-verem:Parque-da-Guarita-Torres-RS-foto-de-Picasa
Parque da Guarita – Torres – RS / foto de Picasa

Porto Alegre – RS

A capital gaúcha é a cidade mais populosa do estado. Por isso, não lhe faltam atrações típicas de grandes cidades, como museus, shows, restaurantes e bares. Todo este acervo faz de Porto Alegre uma das principais cidades turísticas do RS.

Inclusive, depois de São Paulo e Rio de Janeiro, Porto Alegre é uma das cidades que mais recebem shows internacionais. Vale dar uma olhada na agenda de shows da cidade antes de planejar sua viagem pra lá.

Não deixe de fazer um tour pelo Centro Histórico da capital riograndense, o Museu Santander Cultural, o MARGS (Museu de Artes do Rio Grande do Sul), o Palácio Piratini (sede do governo estadual), a Catedral Metropolitana, o Teatro São Pedro, a Casa de Cultura Mário Quintana.

No mês de setembro acontece a “Semana Farroupilha” o maior evento da cidade que recebe milhares de turistas, principalmente gaúchos. Se você quer fazer um passeio tipicamente porto-alegrense, admire o pôr-do-sol na orla do Guaíba. Lá, os moradores se reúnem nos finais de semana para fazer caminhadas, andar de bicicleta ou apenas tomar um chimarrão observando o rio.

Com certeza, a capital gaúcha é uma das melhores cidades turísticas do RS. De lá partem ônibus para quase todos os outros municípios do estado e voos para os principais aeroportos do Brasil através do Aeroporto Internacional Salgado Filho.

Pra-todos-verem:Porto-Alegre-RS-foto-de-Joel-Vargas
Porto Alegre – RS /foto de Joel Vargas.

Gramado – RS

Fica a cerca de 104 km de Porto Alegre, Uma das cidades turísticas do RS mais importantes. Gramado recebe milhões de turistas a cada ano. As ruas arborizadas e floridas e a arquitetura alemã padronizada dão um charme diferente ao lugar.

No rigoroso inverno costuma acontecer um fenômeno curioso no Brasil; a formação de neve. Quase todos os anos, em julho ou em agosto, ela está presente. Mas se você não der sorte de ver a neve, uma ótima alternativa é o Snowland, parque temático de inverno. Lá, é possível esquiar, patinar e brincar na neve.

Outras atrações são o Lago Negro (com seus românticos pedalinhos de cisne); as lojas e fábricas de chocolate, em quase todas há degustação, a Rua Torta, a Fonte do Amor Eterno. No Palácio dos Festivais acontece todos os anos em agosto, o Festival de Cinema de Gramado, um dos eventos mais importantes do cinema brasileiro.

Com a recente inauguração do parque Aquamoticion, Gramado agora é atração não apenas no inverno. O parque é climatizado, coberto, com piscinas aquecidas a 30º naturalmente de águas quentes subterrâneas, muitos toboáguas e ambientes temáticos.

ENCONTRE SUA HOSPEDAGEM

Tem diversão o ano todo. Gramado, uma das mais importantes cidades turísticas do RS, dispensa comentários. E quanto à comida, experimente o fondue de chocolate artesanal, ou um jantar com churrasco e apresentações de danças tradicionais do Sul. Se você deseja saber um pouco mais sobre Gramado e Canela acesse aqui.

Pra-todos-verem:Gramado-RS
Gramado – RS

Canela – RS

Fica a cerca 111 km de Porto Alegre. Muito conhecida por ser vizinha de Gramado, mas Canela possui seus próprios atrativos. Canela abriga o famoso Parque Estadual do Caracol, onde é possível contemplar a Cascata do Caracol do um mirante ou numa volta de teleférico.

Em Canela fica o Alpen Park. Parque de diversão ultra animado que oferece atrações como montanhas-russas, tirolesas, quadricíclos, arvorismo, trenós, simuladores e muitas outras atividades no meio da natureza. 

E para quem dispensa os esportes radicais, mas ama vinho, saiba que o ecoturismo ( segmento da atividade turística para apreciação de vinhos) é um forte diferencial de Canela. Lá, você poderá fazer excursões com degustação em vinícolas da região, como a Jolimont, além de conhecer mais sobre as origens alemãs e italianas da região.

Já na área urbana, vale visitar a impressionante Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, o Museu dos Beatles e a Terra Mágica Florybal, onde é possível ver uma mini-fábrica de chocolate e acompanhar o processo de produção dessa delícia da Serra Gaúcha.

O local é perfeito para um roteiro de viagem com crianças. E se tiver que escolher uma época para ir à Canela, opte pelo Natal, os espetáculos e decorações de lá e de Gramado são inesquecíveis. Todos esses atrativos classificam Canela como uma das cidades turísticas do RS mais procuradas, um atrativo que deve ser priorizado no seu roteiro de viagem.

Pra-todos-verem:Canela-RS-foto-de-Paulo-Hulyk-Flicker-Uma-das-cidades-turisticas-do-RS.
Canela – RS /foto de Paulo Hulyk /Flicker

Bento Gonçalves – RS

Fica na Serra Gaúcha, a cerca de 120 quilômetros de Porto Alegre, na maior região vinífera do país, perto de outras importantes cidades turísticas do RS. O município apresenta forte influência da imigração italiana no século 19, assim como as cidade de Garibaldi, Carlos Barbosa e Caxias do Sul.

Bento Gonçalves é a terceira cidade mais visitada do RS depois de Gramado e Canela. O maior atrativo da cidade são as vinícolas e a produção de vinhos, espumantes e o melhor suco de uva da região.

Sem contar que a cidade e seu entorno é maravilhoso, com uma natureza exuberante, excelente gastronomia e muita história dos imigrantes pra contar. Bento Gonçalves tem muito o que mostrar:

A Igreja São Bento e Monumento ao Imigrante, homenagens aos imigrantes italianos, que fizeram da cidade o que ela é hoje, a estação ferroviária, o Chafariz de Vinho La Fontana (um chafariz que jorra água na cor de vinho tinto) e muitas outras atrações que com certeza você vai descobrir.

Pra-todos-verem:Bento-Goncalves-RS
Bento Gonçalves – RS

Três Coroas – RS

Fica no Vale do Paranhana, esta que é uma das mais importantes cidades turísticas do RS, fica a cerca de 100 km de Porto Alegre. No município, a influência da cultura germânica pode ser observada na culinária, na preservação do dialeto Hunsrückisch, ainda falado pelos moradores mais antigos.

As casas preservam o estilo enxaimel (técnica de arquitetura tradicional alemã). Para saber mais sobre a imigração alemã, visite o Museu Armindo Lauffer. Mas o ponto turístico mais famoso de lá na verdade é tibetano.

Estamos falando do Templo Budista Chagdud Gonpa Khadro Ling, ou simplesmente Templo Budista de Três Coroas. A construção fica no alto de uma montanha e é linda, toda ornamentada com adereços e estátuas tradicionais budistas.

Embora ofereça palestras e práticas de meditação, o centro de budismo tibetano também é aberto à visitação dos turistas em geral, uma boa oportunidade para conhecer um pouco da cultura tibetana.

Se você aprecia ecoturismo, vá ao Parque das Laranjeiras, o Raft Adventure Park e o Brasil Raft Park. Todos esses parques se localizam nas margens do rio Paranhana e oferecem muitas opção de atividades radicais.

Pra-todos-verem:Templo-tibetano-Tres-Coroas-Vale-do-Paranhama-RS-autor-Larissa-Fraga
Templo tibetano – Três Coroas – Vale do Paranhama – RS autor Larissa Fraga

Nova Petrópolis

Esta maravilhosa cidade faz parte da rota romântica junto com Gramado e Canela, Uma rota de 180 km que se inicia em São Leopoldo e termina em São Francisco de Paula. Fica na região das Hortênsias, a 35 km de Gramado.

Quando a gente chega na cidade tem a impressão de estar num país europeu. A arquitetura em estilo enxaimel alemão, as praças com jardins floridos e bem cuidados, dão à cidade o ar romântico de cidades europeias. Nem nas melhores floriculturas eu vi flores tão vistosas.

A culinária internacional é um dos pontos fortes da região. Se você aprecia uma boa cerveja pode visitar a Cervejaria Edelbrau, a mais antiga de Nova Petrópolis, onde você vai degustar as melhores cervejas e provar um almoço tipicamente alemão nos finais de semana.

O ingresso com degustação, somente para adultos, custa em 09/2022 R$55,00. Entre os passeios mais interessantes está a visita ao Parque Aldeia do Imigrante, criado para manter viva a história da imigração alemã.

Lá você vai encontrar uma bela vila com prédios históricos, muitas lojas de artesanato, malhas, produtos típicos coloniais e várias outras atrações.

Conheça o parque das esculturas Pedras do Silêncio, esculturas dispostas no parque que contam a história dos imigrantes alemães e as belas cachoeiras Cascata do Helicóptero e a cascata do Panelão.

Para amantes de voos de asa delta, a cidade tem uma rampa de voo livre no Parque Ninho das Águias. Você vai encontrar várias ofertas de passeio para Nova Petrópolis em Gramado e Canela.

Pra-todos-verem:Cidade-de-Nova-Petropolis-RS
Nova Petrópolis – RS

Piratini – RS

Fica cerca de 347 km de Porto Alegre na região da Serra do Sudeste. Esta pequena cidade guarda tesouros históricos e arquitetônicos. Piratini, por seu rico e preservado Centro Histórico, é uma das cidades turísticas do RS mais visitadas.

A cidade é banhada pelos rios Piratini e Camaquã e pequenos cursos d’água. Piratini é praticamente um turismo histórico e cultural , teve a sua primeira câmara municipal instalada em 1832. O palácio do governo Farroupilha, data de 1826.

As construções, 23 delas tombadas, contam sobre a colonização açoriana e a Revolução Farroupilha. Se passar por Piratini, faça o roteiro Linha Farroupilha, trajeto rápido que passa pelos principais prédios históricos. Estes edifícios deixam a cidade super charmosa.

Alguns deles: Câmara Municipal, Palácio do Governo Farroupilha e Casa de Garibaldi, onde Giuseppe Garibaldi morou durante a Revolução. Se possível, se programe para visitar a cidade durante a Semana Farroupilha, que ocorre de 11 a 20 de setembro, com muitas apresentações e desfiles tradicionalistas.

Pra-todos-verem:Prefeitura-Municipal-de-Piratini-RS
Prefeitura Municipal de Piratini – RS

Pelotas – RS

Fica a 259 km de Porto Alegre. Cidade histórica, Pelotas é conhecida como Cidade do Doce e Princesa do Sul. A riqueza obtida com o charque nos tempos de glória do município possibilitaram a construção dos belos prédios de seu Centro Histórico.

Em uma rápida caminhada, é possível observar construções datadas do século 19 e 18. Entre estes prédios, destacam-se o Mercado Público, a Prefeitura Municipal, o Museu do Doce e a Biblioteca Pública.

Todos ficam nos arredores da Praça Coronel Pedro Osório e são próximos uns dos outros. Aproveite a passada pelo Mercado Público, ou por alguma banca de doceiras, e prove os tradicionais doces de Pelotas.

Aliás, uma boa ideia é ir para lá em época de Fenadoce, feira do doce que ocorre anualmente. Outra atração é a praia do Laranjal, que faz parte da Lagoa dos Patos, a maior laguna da América Latina. Lá é um excelente lugar para um fim de tarde! É uma das cidades turísticas do RS mais interessantes para visitar.

Pra-todos-verem:Centro-Historico-de-Pelotas-RS
Centro Histórico de Pelotas – RS

Cidade de Rio Grande – RS

Fica a cerca 319 km de Porto Alegre, entre a Lagoa Mirim, a Lagoa dos Patos e o Oceano Atlântico. É a cidade mais antiga do estado e uma das principais cidades turísticas do RS. Rio Grande tem um dos maiores portos em funcionamento do Brasil. Conta com um vasto Centro Histórico com inúmeras construções históricas, museus, praças antigas.

Se orgulha de ter a maior praia do mundo, a Praia do Cassino, com 245 km de extensão, é o principal atrativo de Rio Grande. É importante lembrar que a praia do Cassino está a 22 km do centro, é bastante rústico, inclusive, boa parte dos arredores é de estrada de chão.

Não espere encontra água cristalina como as praias do Sudeste e Nordeste. Esta é uma típica praia gaúcha: gelada e com coloração amarronzada. Outra atração maravilhosa em Rio Grande é a Lagoa dos Patos, a maior laguna da América Latina.

Tem grande  importância ecológica, social e econômica, favorecendo as comunidades que vivem aos seus arredores, gerando emprego na indústria da pesca, portuária e de turismo. Outra boa ideia é parar pra tirar uma foto em frente ao navio Altair. Ele encalhou na praia do Cassino em 1976, após enfrentar uma forte tempestade.

Pra-todos-verem:Lagoa-dos-Patos-Rio Grande-RS
Lagoa dos patos – Rio Grande – RS

São José dos Ausentes – RS

É a cidade mais fria do Rio Grande do Sul e onde fica o Pico Negro, o mais alto do estado. Se sua intenção é turismo de inverno, visite a cidade nos meses de junho e agosto. Nestes meses é possível ver aquela paisagem branquinha de geada e vez por outra há precipitação de neve pelo menos uma vez ao ano.

As paisagens de São José dos Ausentes é muito singular e espetacular, tem cerca de 8 cânions enormes, com alturas de dar vertigem, cerca de 10 cachoeiras com quedas altíssimas, muitos rios, cachoeiras que cruzam os belos campos de araucária.

A maioria dos atrativos tem acesso difícil e precisa de guia. É um excelente destino de ecoturismo, possivelmente um dos melhores do Brasil. É um cenário perfeito para filmes e novelas, e a rede Globo gravou vários.

Se você se interessou em conhecer São José dos Ausentes e outras cidades turísticas do RS, contrate uma empresa de turismo experiente como a Cânion Turismo ou alugue um carro.

Pra-todos-verem:Canion-em-Sao-Jose-dos-Ausentes-RS
Cânion em São José dos Ausentes – RS

Espero que o post tenha te ajudado a programar seu roteiro para conhecer as principais cidades turísticas do Rio Grande do Sul . Compre passagens aéreas pelo menor preço. Se você já visitou as terras gaúchas, deixe seu comentário para outros turistas que também queiram conhecer.

Veja abaixo outros assuntos que podem ser do seu interesse;

OFERTA AMAZON
Ofertas imperdíveis na Amazon
Compartilhe nas redes sociais:

7 comentários em “Cidades Turísticas do RS: 14 lugares espetaculares para conhecer e voltar sempre”

  1. Estás desatualizado, amigo. Ou pelo menos acrescente aí mais dois lugares espetaculares: Tudo em Ametista do Sul e Parque das Guias, em Fontoura Xavier.

    1. Oi Eduardo, obrigada pelo seu comentário, Com certeza O Rio Grande do Sul tem muitos pontos turísticos sensacionais, vou aceitar sua sugestão e pesquisar a respeito.

  2. Rio grande do Sul, que maravilha estive e gramado canela e bento Gonçalves e farroupilha… fiquei maravilhada de tanta beleza… quero voltar novamente.

    1. Oi Maria Valdecira, obrigada pelo seu comentário, se tiver oportunidade, volta sim, Rio Grande do Sul tem muitos lugares maravilhosos que valem a pena conhecer.

  3. Olá, tudo bem
    A foto que você colocou para a cidade de Piratini é do Palácio Piratini, sede do Governo Estadual e que está localizado na capital.

  4. Bom dia, Maria Madalena! Parque Estadual do Turvo, ao qual fica o Salto do Yucumã. Maior cachoeira longitudinal do planeta. Município de Derrubadas, noroeste do RS. Divisa com SC e a província de Missiones (Argentina). Somente do lado brazileiro e gaúcho que pode-se ver e ter acesso a cachoeira. São mais de 1.800 metros de extensão. E o parque conta com quase 18 mil hectares. Espero ter ajudado! Abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *